4 dicas para a escolha do DJ do seu casamento

Há quase 5 anos

Dj de casamento

Não tem como negar: o casamento é um dos grandes momentos da vida de qualquer pessoa. Ele é um evento único em nossas vidas, por isso, tudo deve sair da melhor forma possível. Por essa razão, o tempo de organização de um casamento costuma ser de, pelo menos, um ano.

Esse é o tempo ideal para visitar os diversos fornecedores de serviços, como: cerimonialistas, floriculturas, serviços de buffet, salões de festas, lojas de vestidos e trajes, além, é claro, da visita e escolha do templo onde a cerimônia religiosa será realizada – e olha que a disputa está cada vez maior, por isso, um ano de antecedência, dependendo do lugar, ainda é arriscado.

Dj para casamento

Mas entre tantas escolhas que devemos nos atentar durante os preparativos, o serviço de DJ para casamento é uma daquelas que temos que ter todo cuidado do mundo, afinal ele será responsável por conduzir os rumos da festa, ditando o ritmo da alegria na pista de dança.

Por isso, entre tantas dicas que podemos dar para você escolher o DJ, algumas são super importantes, como:

1 - Conheça trabalhos anteriores

Antes de se decidir pelo profissional, é fundamental que você tenha acesso às festas que ele já tenha conduzido enquanto DJ. Talvez, entrar nas festas não seja possível, porém, é muito comum que haja gravações do desempenho do DJ e da animação da festa.

Isso você pode encontrar com amigos, conhecidos ou, até mesmo, com outros profissionais que você já tenha contratado para o seu casamento – o cerimonialista, por exemplo, costuma ser muito bem relacionado entre os profissionais de casamento, por isso, ele pode te ajudar.

Conheça trabalhos anteriores

Vale a pena ficar atento, também, quando você for a eventos durante esse período de preparação para o casamento. Talvez, num daqueles acasos da vida, você encontra o DJ perfeito para o seu casamento.

2 - Peça recomendação de amigos

Se o casal conseguiu encontrar um DJ que agrade, o segundo passo é buscar a opinião de outros casais que tiveram o DJ como responsável pelas músicas da festa.

Peça recomendação de amigos

O próprio DJ poderá passar os contato para que seja possível ouvir a opinião. Isso é muito importante, pois não há marketing mais eficiente para se vender um serviço do que a opinião de um consumidor satisfeito.

3 - Faça reuniões de preparação

Ao fechar o contrato com o DJ, separe um tempo para, pelo menos, duas reuniões. Decidir previamente o repertório que será tocado durante a festa garante que nada que não seja de agrado dos noivos, ou que não tenha relação com o perfil dos convidados, seja executado. Evite aqueles momentos de pista vazia e garanta muita animação com um set-list poderoso!

Faça reuniões de preparação

4 - Não deixe de conversar com ele durante a festa

Mesmo que haja reuniões prévias, podem acontecer imprevistos durante a festa. Por isso, não deixe de conversar com o DJ para que as coisas não saiam do combinado.

Além disso, dependendo da animação dos convidados, algumas sugestões de músicas começam a aparecer e, nada melhor, do que tocar aquilo que os convidados tanto querem – desde que seja do consentimento do casal, afinal, eles são as grandes estrelas do dia.

Imagens via Movin Show / Pt Forwall Paper / Immagini Fotografia / Laura Michelle Peñaloza Mejía e Miguel Cordero García de Soria / DJ VJ Luizinho

Publicações relacionadas

maneiras de entreter as crianças no casamento

Casamento - Há mais de 2 anos

10 alternativas para entreter as crianças no seu casamento

35 músicas para entrada da noiva ser um arraso

Música e Dança - Há quase 3 anos

35 músicas para entrada da noiva ser um verdadeiro arraso!

Músicas para entrada da noiva

Música e Dança - Há aproximadamente 2 anos

O DJ Fernando Teles indica: 10 melhores músicas para entrada da noiva

Comentários