Lista de convidados: o guia definitivo para acabar com suas dúvidas!

Há quase 3 anos

lista de convidados

Toda noiva sabe: os preparativos do casamento são muitos, sem dúvida. Inclusive, é uma unanimidade entre todos os casais: essa é uma tarefa muito difícil. Eles enlouquecem com tantos planos, datas, fornecedores e outros pormenores!

No entanto, um dos itens de maior relevância dessa extensa preparação é a lista de convidados. Você sabia? Pois é esse detalhe que vai definir muita coisa. Por essa razão, deve ser pensado com o maior cuidado pela noiva e pelo noivo. Já parou para pensar na sua? A hora é agora!

Assim sendo, quando for pensar sobre a sua lista de convidados para a cerimônia, tenha calma e coerência. Nesse momento, as emoções costumam mais atrapalhar do que ajudar e será preciso objetividade. Contudo, você provavelmente está se perguntando como tal proeza é possível.

Bem, primeiro, é imprescindível ter o bom senso de adequar a quantidade de pessoas convidadas ao formato da festa e ao valor que será gasto.

Junto a isso, será vital estabelecer critérios para escolher quem estará ou não na lista. Portanto, inicialmente, faça uma avaliação do seu cenário financeiro e uma reflexão sobre os nomes que imaginou para estarem ao seu lado nesse dia tão especial. Por essa perspectiva, o diálogo franco com o noivo e a família é sempre fundamental para que tudo seja resolvido sem atritos.

Por isso, não é por acaso que se trata de uma dos maiores desafios do evento, uma vez que esse processo envolve afeto, etiqueta, delicadeza e muito jogo de cintura. Fazer uma lista de convidados para casório é uma tarefa complicada, todo mundo sabe.

E foi pensando nisso, consequentemente, que fizemos este post com um guia absoluto para acabar com todas suas dúvidas e tornar essa fase de pré-wedding menos complexa do que já é para o casal.

Nos parágrafos seguintes, você saberá por onde começar, quem convidar e quem não convidar, a relação da lista de convidados com o seu orçamento. E também de que forma reduzir essa mesma lista, os erros comuns e como evitá-los e o que fazer quando a família quer interferir mais do que o habitual.

Então, daqui em diante, iremos ponto a ponto esclarecer as melhores práticas para fazer a sua lista de convidados. Vamos lá!

 Lista de convidados: guia definitivo para acabar com suas dúvidas!

Conheça 5 passos essenciais para fazer a sua imediatamente!

1 - Lista de Convidados e orçamento

Por onde começar? A resolução sobre o orçamento é o ponto de partida para planejar o  casamento, até mesmo uma boa lista de convidados. Isto porque o volume de pessoas estará diretamente ligado a quanto se gastará.

Por conseguinte, será possível mensurar os custos específicos, a exemplo das porções de bebida/comida, espaço para a comemoração, convites e lembrancinhas, por exemplo. Em razão desse fato, o planejamento financeiro é o responsável por garantir que as demandas dos convidados caibam perfeitamente na verba disponibilizada.

lista de convidados e orçamento

Seja bastante rigorosa e não deixe que o valor do estipulado seja ultrapassado - logo, seja extremamente disciplinada. Diante disso, faça uma lista preliminar com os nomes que você deseja colocar junto com o noivo. De forma alguma, façam listas separadas.

Fazer o contrário só vai aumentar consideravelmente a sua empreitada, além de gerar maiores conflitos. Uma dica para a elaboração da lista é começar com uma escala moderada, pois, será mais simples reduzir do que incluir nomes posteriormente.

VOCÊ JÁ VIU?

2 -  Quem convidar x Quem não convidar?

Neste parágrafo, apresentaremos algumas regras básicas para facilitar a sua vida de noiva. Atenção: antes de tudo, é essencial salientar que existem três tipos de convidados em uma lista: os que devem obrigatoriamente estar na lista, os que não precisam estar todos nela e os que são dispensáveis.

Ao primeiro tipo corresponde a família direta (mãe, pai, irmãos avós e outros familiares próximos) e amigos íntimos. Ou seja: aquelas pessoas com quem você, efetivamente, tem uma relação de intimidade. 

saiba quem convidar

Ao segundo, familiares afastados, colegas de trabalho/cursos, vizinhos ou amigos dos pais. Já ao terceiro, acrescentamos ex-cônjuges (quando não há filhos - caso contrário é de bom tom convidar, especialmente, se a convivência for pacífica), ex-colegas de trabalho/cursos sem um maior contato, amigos virtuais e prestadores de serviços sem qualquer ligação pessoal com você, amigas(os) de infância que você não vê há anos.

Com exceção do primeiro e do último que são extremos, faça uma avaliação da relevância dessas pessoas para a sua vida e trajetória do casal no segundo tipo. Depois desse primeiro índice de nomes, separe-os em grupos: família, parentes distantes, amigos chegados, amigos/colegas distantes, colegas com os quais possui amizade e agregados. Dessa maneira, será possível ter controle sobre cada espécie de convidado com a proporção de cada grupo. Pronto, com esses nomes, a sua primeira versão de lista de convidados estará terminada.

3 - Saiba como reduzir a lista de convidados

Após fazer essa lista de convidados inicial, você irá revisá-la a fim de que a mesma chegue ao número estipulado na sua programação por meio de algumas estratégias. Novamente: seja prática ao máximo.

Essas escolhas têm que ser feitas racionalmente tendo em conta a quantia determinada para a ocasião e a contagem de pessoas que foi acordada junto ao noivo. Essa é a primeira medida a ser tomada, não obstante há outras formas de enxugar essa lista.

saiba como reduzir a lista de convidados

Optar por uma cerimônia íntima é uma delas, tal qual o mini wedding, uma forte tendência atualmente. É possível, igualmente, pensar em restringir os amigos e colegas de trabalho/curso aos que efetivamente têm uma conexão íntima com vocês, e isso fará toda a diferença. Pode acreditar! Até porque estamos falando de uma festa extremamente particular, não é verdade? Então, mantenha o seu foco nesse critério sendo, sempre, elegante.

O mesmo vale para parentes com os quais não possui qualquer proximidade ou vínculo. Convidá-los é totalmente desnecessário.

Já para aqueles amigos que os pais sempre querem convidar, uma tática que funciona perfeitamente: dar cotas a eles. Assim, mães e pais terão a possibilidade de fazer seus próprios convites, porém em uma quantia controlada.

Por fim, não esqueça de delimitar os acompanhantes de seus convidados, como namorados (as) recentes ou ficantes. Especialmente se a pessoa em questão não tiver qualquer elo com os noivos. Ademais, lembre de um ponto fundamental: é o seu grande dia e você não é obrigada, de modo algum, a convidar quem não tiver relevância para a sua vida. Combinado? 

4 - Erros comuns em uma lista de convidados e como evitá-los.

Ao preparar a lista de convidados para o casamento, existem alguns erros típicos, que valem a pena serem evitados definitivamente. O mais comum é quando os noivos fazem listas separadas, conforme já sinalizamos acima.

Isso não pode ser feito em hipótese alguma, por favor! Com listas separadas, a possibilidade de ter uma listagem maior de pessoas é ainda maior, da mesma maneira que as chances de ultrapassar seu orçamento.

erros comuns em uma lista de convidados

Outro erro muito comum é permitir que a família interfira na escolha dos convidados. No tópico anterior, sugerimos que cotas sejam cedidas aos pais. Eles sentirão que estão fazendo parte dos preparativos, os conflitos serão reduzidos e você ainda terá o controle da situação.

Também não faça convites apenas pelo protocolo. Apesar de ser uma situação delicada, não há condições de chamar todos. Faça uma triagem mesmo, escolhendo aqueles que apenas são próximos. O bom senso é o melhor filtro neste caso.

5 - Lista de convidados: RSVP e confirmação

O RSVP é um serviço de confirmação de presença em solenidades, cuja sigla vem do francês (Répondez S’il Vous Plaît) , que, em português, significa responda por favor.

Este é um recurso extremamente interessante, eficiente e prático. Funciona bem para você ter uma noção de quem estará presente na celebração aproximadamente. Isso será essencial para evitar desperdícios ou providenciar algum outro item.

rsvp confirmação de presença

A média é  a de quem nem 50% dos nomes na lista  convidados confirma. Neste caso, o cerimonialista deverá ligar para confirmar a presença deles. Normalmente, o retorno completo ocorre em até 15 dias antes do evento.

Ainda assim cerca de 10 a 15% das pessoas convocadas para a festividade não comparecem mesmo após a confirmação. De qualquer modo, convidar alguém no lugar de que quem não confirmar no RSVP pode ser muito indelicado. Logo, não faça nada parecido, certo?

A nossa proposta com este post é facilitar a sua jornada ao longo dessa etapa tão difícil. A escolha de quem estará presente na cerimônia sempre é delicado, todavia é primordial. E ainda: a lista de convidados deve ser feita de uma maneira racional, sem se deixar levar pela emoção - que sempre nos conduz a um caminho com maiores complicações, demorado, além de ser mais trabalhoso.

E é justamente para que a sua lista seja elaborada de um modo totalmente sensato que trouxemos este panorama. Ele traz as prioridades, problemas e soluções típicas dessa fase de organização do casório. Queremos colaborar, apoiar você sempre e estar 100% ao seu lado do planejamento ao dia do seu enlace!

Se você está buscando fornecedores confiáveis para seu casamento, conheça agora Nosso Guia De Fornecedores Recomendados.

Vamos trocar mais ideias sobre este tema, que tal? Conte o que você achou do post! Comente e compartilhe as suas dúvidas e histórias. Aproveite e se inscreva em nossa newsletter para sempre receber novos e exclusivos conteúdos sobre casamentos. Vem com a gente!

Publicações relacionadas

promoção agenda da noiva

Planejamento - Há mais de 3 anos

Promoção imperdível "Agenda da Noiva" na semana da mulher!

Organização de casamento em 6 meses

Planejamento - Há mais de 2 anos

Organização de casamento: como prepará-lo em apenas 6 meses?

como organizar um casamento

Planejamento - Há mais de 3 anos

Aprenda como organizar um casamento inesquecível!

Comentários